Representantes da Câmara Técnica de Resíduos Sólidos conhecem o aterro sanitário. Foto: Alex de Sousa 

Representantes de diversas entidades e órgãos que integram a Câmara Técnica de Resíduos Sólidos fizeram uma visita à CVR Costa do Cacau, local para onde são destinados os resíduos coletados pela Prefeitura de Itabuna.

O objetivo foi vistoriar o processo de operação, iniciado no mês passado e que pôs fim ao lixão da cidade e atende o novo Marco Legal do Saneamento.O secretário de Infraestrutura e Urbanismo de Itabuna, Almir Melo Jr., que também é presidente da Câmara Técnica, ressalta que a vistoria é uma ação permanente, “para que possamos evoluir para ações como a implementação da coleta seletiva e da criação da associação de catadores de resíduos sólidos”. Ele ressaltou ainda que está sendo dado todo apoio às famílias que viviam da coleta de materiais recicláveis do antigo lixão.

Máquinas operam no aterro sanitário

“Estamos acompanhando a criação da Associação dos Catadores a ser montada, mas já encomendamos a esteira separadora de resíduos sólidos, e já foi definido o local onde funcionará o galpão para a reciclagem”, revelou.

Almir Melo Jr adiantou ainda que está na fase final de um projeto piloto que prevê a implantação de um ponto de coleta seletiva no Bairro Jardim Vitória.

Participaram da visita à CVR Costa do Cacau Francisco de Sousa Lino Filho (superintendente de Serviços Públicos de Itabuna), Aline Muller (Defensora Pública), Thiago Guedes (diretor de Agricultura de Itabuna), Colin Bahia (UFSBA), Valerie Collier (UFSBA), Fábio Ramos (Representante da OAB no Conselho Municipal de Meio Ambiente), Peolla Stein (UFSBA). Eles foram recebidos por Maurício Sena, gerente comercial da CVR, que além de apresentar o local fez uma apresentação em que demonstrou o trabalho da empresa no processo de conservação ambiental.

A CVR Costa do Cacau é a única empresa no Sul da Bahia credenciada pelos órgãos ambientais para o correto tratamento e recebimento de resíduos sólidos, numa área adequada e licenciada para promover a disposição de resíduos.